O ator José de Abreu vai abandonar a carreira de ator para se candidatar a deputado federal no Rio de Janeiro pelo Partido dos Trabalhadores (PT) em 2022. A informação foi revelada, no início desta semana, numa live entre o atores Paulo Betti e Antonio Grassi por meio do Instagram. “Ísso é uma coisa muito interessante. Ele (José de Abreu) pode ser um grande catalisador da classe artística, para a gente ter uma voz forte lá dentro do Congresso”, comentou Betti.

A notícia foi confirmada pelo próprio José de Abreu na noite da última quinta-feira (14/10). Em entrevista à colunista Mônica Bergamo, da “Folha de S. Paulo”, o artista ressaltou que se dedicará à política no próximo ano. “Vou abrir mão da minha carreira, do que eu mais amo fazer, que é representar, para ajudar o Lula (PT) a reconstruir o Brasil e o [Marcelo] Freixo (PSB) a reconstruir o Rio de Janeiro”, afirmou.

Artistas como o próprio Paulo Betti manifestaram apoio ao colega depois que ele divulgou o fato em suas redes sociais. “Tem meu voto e campanha”, reforçou Paulo Betti no Instagram. Apoiador do ex-juiz Sergio Moro em 2016, à época do julgamento de Lula em investigações da Lava-Jato, o ator Marcelo Serrado também demonstrou apoio a José de Abreu: “Meu voto”, ele escreveu.
Segundo o ator, o ex-presidente Lula não o apoiou na decisão de abandonar o trabalho na TV. “Ele acha que hoje, como ator da Globo, eu calço 47 [em influência de importância]. Se for deputado, vou calçar 33, pois serei do baixo clero do Congresso [ao se integrar a um colegiado em que será um entre 513 parlamentares]”, declarou, em entrevista à Mônica Bergamo.
Papel na novela das 21h
José de Abreu não é mais contratado da TV Globo. Depois de 40 anos com um vínculo exclusivo com a emissora, ele passou a atuar — desde o último ano, quando fez as malas e passou um longo período na Nova Zelândia ao lado da namorada Carol Junger — apenas em projetos pontuais na empresa.
A partir de novembro, o ator poderá ser visto em “Um lugar ao sol”, próxima novela das 21h. A trama escrita por Lícia Manzo vai contar a história dos gêmeos Cristian e Renato (Cauã Reymond), que foram separados ainda bebês. Enquanto o primeiro cresceu num orfanato, o outro foi criado por uma família rica.
No folhetim, José de Abreu interpretará Santiago, dono de uma rede de supermercados. Workaholic, milionário e vinculado à esquerda política, o personagem dedica a vida ao trabalho. Por conta da idade e de seus abusos, ele se vê obrigado a se aposentar. Seu posto passa a ser disputado pelos genros, vividos por Daniel Dantas e Cauã Reymond. José de Abreu já gravou todas as cenas de seu personagem.

O Globo 

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...