quarta-feira, 8 de setembro de 2021

Governo de SP multa Feliciano, Malta e Silas Malafaia por falta de máscara






O Governo de São Paulo, através da Vigilância Sanitária, multou os pastores Silas Malafaia, Magno Malta e Marco Feliciano por não terem usado máscaras nas manifestações desta terça-feira (07/09).


Além de Malafaia, Malta e Feliciano, outras 10 pessoas também foram autuadas pela Vigilância Sanitária. O presidente da república, Jair Bolsonaro, também foi multado por não ter usado máscara na cidade.

De acordo com o governo Doria, Bolsonaro infringiu a lei federal nº 14.019 de 2020, que torna obrigatória a utilização do equipamento em eventos públicos, e a lei estadual nº 6.437 de 1977. A multa pode chegar a R$ 1,5 milhão.


“Já é a sétima ocasião em que Bolsonaro descumpre normas sanitárias no território paulista, acumulando seis reincidências”, comunicou o governo paulista em nota.

Bolsonaro recorreu de todas as autuações. Os valores das multas serão definidos pela Justiça e, de acordo com a gestão Doria, podem chegar a R$ 4,5 milhões. “Esgotados os recursos, o presidente deverá pagar os valores ou poderá ter o nome incluído na dívida ativa do Estado e no Serasa”.


Todas as pessoas multadas, inclusive Silas Malafaia e Marco Feliciano, estiveram sobre um carro de som, na Avenida Paulista, acompanhado de diversos artistas, políticos e influenciadores digitais. Em muitos momentos foi possível notar que nenhum deles fez o uso de máscara.

De acordo com o site Oeste, foram multados pelo Governo Doria: André Porciuncula, subsecretário de Fomento e Incentivo à Cultura; Carla Zambelli (PSL-SP), deputada federal; Danilo Balas (PSL-SP), deputado estadual; General Girão Monteiro (PSL-RN), deputado federal; Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan; Marcio Labre (PSL-RJ), deputado federal; Marco Feliciano (Republicanos-SP), deputado federal; Magno Malta; Mario Frias, secretário Especial de Cultura; Netinho, cantor; Silas Malafaia; Suellen Rosim (Patriota-SP), prefeita de Bauru; Tarcísio de Freitas, ministro da Infraestrutura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...