sábado, 5 de junho de 2021

Assembleia de Deus de Recife emite nota sobre lição da CPAD que causou alvoroço no Brasil






A Assembleia de Deus em Recife -PE, presidida pelo pastor Ailton José Alves, emitiu nota de esclarecimento aos membros e congregados sobre a polêmica envolvendo a lição do 3º trimestre de 2021, comentada pelo pastor Claiton Ivan Pommerening.



Pommerening está sendo acusado pela Igreja de Abreu e Lima (PB) de possuir “posições ideológicas marxistas, de supostamente apoiar apologia à teologia da libertação e a promoção do ecumenismo em ambientes confessionais assembleianos.

Segundo a nota, a IEADPE afirmou que “não nutre qualquer problema de relacionamento com pessoas ou instituições, pautando-se, sempre, com zelo, equilíbrio, distinção e respeito, obedecido o paradigma”.




Divergência Doutrinária



Ainda de acordo com entidade assembleiana, foi designada uma comissão de pastores da igreja e da Convenção, e de forma unânime, o parecer foi de que não houve constatação de divergência doutrinária ou contraditória com a declaração de fé da Assembleia de Deus.



Observação



No entanto, a igreja de IEADPE afirmou que no tocante às afirmações que circulam nas redes sociais quanto à pessoa do pastor Claiton Ivan Pommerening, autor da revista, a igreja afirmou que não “irá emitir, nesse momento, qualquer observação quanto ao seu testemunho cristão, o que não quer dizer, absolutamente, que venhamos a comungar com todas as suas ideias, expostas em teses e artigos acadêmicos”.

NOTA EM NOTA IEADPE EBD (1)
CPAD defende Pommerening: “Lições estão plenamente de acordo com as doutrinas da AD”

A Casa Publicadora das Assembleias de Deus (CPAD) emitiu uma nota defendendo a Revista Lições Bíblicas do terceiro trimestre que foi comentada pelo pastor Claiton Pommenering.

Na nota, a CPAD diz que o texto está “plenamente de acordo com as doutrinas esposadas pelas Assembleias de Deus no Brasil” e que “apresenta os pontos relevantes dos livros de 1° e 2° Reis”.

A nota também diz que não foi encontrado nenhum conceito que manifeste ideologias contrárias ao evangelho. Pommenering está sendo denunciado por outros pastores por ser marxista, afirmando que ele possui visão política ligada à esquerda.

A CPAD não fala sobre esse assunto, apenas aponta a participação do autor em sua igreja local em Joinville (SC).

Entenda


A Assembleia de Deus na cidade de Abreu e Lima, estado de Pernambuco, presidida pelo pastor Roberto José dos Santos, 2º secretário da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB), tomou uma decisão inusitada e talvez jamais adotada antes por um líder evangélico no Brasil, que foi proibir o uso de revista da Escola Bíblica Dominical, que será lecionada no 3º trimestre de 2021, cujo tema é: ” O plano de Deus para Israel em meio à infidelidade da nação”, comentada por Claiton Ivan Pommerening.

A revista é publicada pela Casa Publicadora das Assembleias de Deus (CPAD), vinculada à CGADB. Vale destacar, que antes de ser publicada a lição, o conteúdo é analisado minuciosamente pelo conselho de doutrina da CPAD/CGADB, que inclusive, é composto pelos melhores teólogos das Assembleias de Deus no Brasil.



Segundo informativo que circula entre os membros e professores da Escola Bíblica em Abreu e Lima, o presidente pastor Roberto José dos Santos, suspendeu a lição alegando que o comentarista da lição, pastor Claiton Ivan Pommerening, possui “posições ideológicas marxistas , apologia à teologia da libertação e promoção do ecumenismo em ambientes confessionais assembleianos”.

Ainda segundo o informativo, o referido comentarista é “defensor de linhas discursivas que se opõem claramente à nossa declaração de fé”, ou seja, segundo o líder assembleiano pastor Roberto, o comentarista Claiton Ivan jamais deveria ser aprovado para escrever lição pela editora CPAD.

JM Noticias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...