quinta-feira, 13 de maio de 2021

Fábio Faria diz que trocará PSD pelo PP para ficar com Bolsonaro




O ministro das Comunicações, Fábio Faria, afirmou nesta 5ª feira (13.mai.2021) que mudará de partido. Filiado ao PSD desde 2011, hoje presidido por Gilberto Kassab, o deputado licenciado disse que “provavelmente” irá para o PP, do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL).

“Estarei junto com o presidente Bolsonaro no ano que vem e não tenho como ficar num partido que vai ter uma outra candidatura”, disse em entrevista ao UOL.



Kassab teve reunião com o ex-presidente Lula na 4ª feira (12.mai). Faria afirmou tratar-se apenas de um encontro e que o PSD lançará candidatura própria em 2022 com “grande chance” de apoiar o presidente Bolsonaro na tentativa de se reeleger.



Nesse contexto, o ministro disse ter conversa com Kassab sobre a saída do partido. “Eu disse a ele que me deixasse ir para um partido que eu tenho certeza que ficará com o presidente Bolsonaro. Ele disse que entendia totalmente minha posição, que nós somos amigos e faremos isso em total harmonia”, declarou.

PREOCUPAÇÃO COM CPI

O ministro afirmou que nem ele, nem o presidente Jair Bolsonaro estão preocupados com o andamento da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Covid, que investiga as ações do governo federal e o uso de recursos da União por Estados e municípios no enfrentamento à pandemia.

Ao ser questionado se há receio em relação ao depoimento do ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello, Faria disse também que não teve nenhuma conversa para preparar o general do Exército. “Não estou trabalhando com a CPI”, declarou.

Apesar disso, o também ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta relatou durante seu depoimento que uma pergunta feita pelo senador Ciro Nogueira (PP-PI) foi redigida pelo ministro das Comunicações. O ex-deputado teria recebido a mesma pergunta do próprio Fábio Faria, que teria a encaminhado por engano.

Data Poder

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...