sexta-feira, 29 de abril de 2016

A Dança de Maanaim (Ct 6.13) - Por Marlon Araújo


Sulamita aqui representa á Igreja, o corpo mistico de Jesus. Maanaim: Cidade situada em Canaã representa a casa de Deus, Gn. 32:1-2.
 Mas a tarde com a divisão da terra entre os Israelitas, foi dada a Tribo de Gade, Js. 21:38.
A Tribo de Gade por sua vez doou aos Levitas como ordenou DEUS a Moisés, Nm.35.1-14, e se tornou assim um lugar de refúgio.
O Rei Davi conhecendo bem a Lei do SENHOR, Sl. 119:100, e sendo amante e observador da mesma, fugi-o pra lá quando seu filho Absalão o procurava matar, 2Sm. 17.24. Pois lembrou Davi da Lei do SENHOR. Sl.109:109.
A suposta dança, proposta pela Sulamita descreve-nos hoje a alegria dos refugiados através da Graça Salvífica, e do perdão liberados pela Morte de Cristo.
Esse Texto é uma deslumbrante viajem ao coração das escrituras, transitando entre o evento sobrenatural dos Anjos avistados por Jacó. Gn.31.1-2.
O nome Maanaim vem do Hebraico e significa lugar de Acampamento. Transparece que Jacó estivesse a contemplar, por um lado, o exército do SENHOR e, por outro lado, o ajuntamento indefeso que levava consigo.
Era uma dança de repartições; aonde os participantes eram colocados em 2 grupos de guerreiros, na qual eles brandiam espadas, em linhas opostas e paralelas
Também era dança nupcial; durante a qual á noiva dançava com uma espada na mão direita, e um lenço na mão esquerda.
Ela bailava entre 2 fileiras de espectadores, homens de um lado e mulheres do outro, enquanto se cantava por solistas constituídos de cada lado.
Embora este trecho esteja se referindo fisicamente aos atributos físicos da jovem, há ensinos espirituais por trás da pessoa.
As festa de casamento tinham bastante músicas e danças. Não seria nada incomum os hóspedes observarem a noiva, o centro da atenção, dançando na celebrações.
Nesse caso, a noiva dançou para o Esposo, e Ele descreveu suas formas graciosas.
Alguns Rabinos vão empregar o original da palavra Mahanayn, em Hebraico, para mostrar que pode tratar-se de uma dança de anjos.
O Esposo fala sobre a formosura dos passos da jovem. Isso espiritualmente, significa: andar de maneira graciosa, com sabedoria e autoridade.
O Amor de Deus é o veículo que torna a ação da Igreja generosa no exercício da harmonia entre os povos.
Quando ela dança o Noivo se alegra, porque os seus movimentos sábios e delicados, buscando o perdido, curando os feridos, alimentandos os fracos, deixa o SENHOR feliz. E a Igreja vai entrar nas Bodas do Cordeiro bailando para receber o Noivo, com Cânticos, Celebrações e Reverencias. Ap.19.7-9.
 Nunca confunda a Sulamita com Salomé. Sulamita é a Igreja Espiritual, Salomé é a igreja Babilônica e carnal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...