quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Aprendendo com Apolo At 18: 24-28 - Por Marlon Araújo


Apolo, o Judeu de nome grego, nasceu numa cidade intelectualizada, conhecia o AT, havia sido catequizado no caminho do SENHOR.
Alexandria, era 2º maior cidade do Império Romano, era um lar para muitos refugiados, a cidade foi responsável pela tradução e  produção da Septuaginta (tradução do Hebraico para o Grego).
Apolo foi um homem eloquente, bem instruído na filosofia helênica, e especialmente na retórica.
A retórica, que era a principal disciplina da filosofia, naqueles dias, habilitava uma pessoa a argumentar de forma convincente, e a defender a sua opinião com clareza.
Apolo também era poderoso nas Escrituras, o que significa que ele conhecia o AT e podia interpretá-lo bem, ele não era um leitor superficial, mas estudou as Escrituras em profundidade.
Apolo não combatia os equívocos doutrinários somente porque gostava, como os gregos, de discutir, Apolo auxiliava os crentes com seu conhecimento, agora maior do que somente a revelação veterotestamentária; mais com conhecimento mais profundo.
Ele foi contemporâneo de Filo, um famoso filósofo e teólogo Judeu. Filo de Alexandria escreveu comentários sobre os livros do AT.
Apolo, que provavelmente foi um aluno de Filo, conhecia bem a filosofia helenística, assim como o AT, ele tinha recebido educação, tanto acadêmica quanta religiosa, do pouco que sabemos dele no livro de Atos, ele era um polêmico de sucesso.
Não sabemos quando, ele se tornou um cristão, e depois foi instruído no caminho do SENHOR.
Apolo não permaneceu em silêncio, ele se tornou um apaixonado missionário e pregou o Evangelho onde quer que fosse.
Ele era fervoroso de espirito, falava e ensinava com precisão a respeito de JESUS. Apolo usou a sua formação para o serviço de JESUS.
Ele se envolveu completamente no ministério cristão e deixou marcas de seu entusiasmo na história- em Acaia, Éfeso e Corinto.
Em Corinto ele deve ter causado um grande impacto com suas visitas cheias de Amor e Sabedoria. 1Cor 16:12.
Um ponto importante sobre Apolo não deve escapar á nossa atenção: sua humildade e o desejo de aprender mais. Mesmo sendo um estudioso hábil com muita instrução formal, ele estava pronto para aprender mais sobre JESUS, de simples crentes como Áquila e Priscila, que, percebendo não ter ele ainda recebido toda a luz do Evangelho, o levaram consigo, e lhe declararam mais pontualmente.
Como Apolo precisamos estar abertos as novas aprendizagens. No processo de aprendizagem, nunca chega um momento em que podemos dizer que estamos prontos; Priscila e Áquila notaram isso, viram a necessidade de instruí-lo com mais exatidão, lhe expuseram o caminho de DEUS.

Um comentário:

  1. A paz irmao cleiton gostaria de saber se faz parceria com blogs se faz deixe um comentario no meu blog, Deus abençoe.
    http://esbocobibliapentecostal.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...