O cirurgião geral Pio X Fernandes, pré-candidato a deputado federal pelo MDB, foi prefeito por três mandatos no município de Luís Gomes, no Alto Oeste potiguar, pequena cidade de 10,5 mil habitantes. Porém, sua atuação ultrapassa as fronteiras da cidade natal.

“Eu atendo em praticamente todas as cidades do Alto Oeste, as maiores são Pau dos Ferros e Alexandria. Tenho orgulho da minha formação médica”, explicou Pio X,, que, no dia a dia, vem construindo uma legião de amigos. “Integro a nominata do MDB. Será uma campanha difícil, mas o povo está me dando a mão e tenho a confiança que sairei vitorioso”, falou.

Nos últimos meses, integrou a equipe do mutirão do RN para acabar a fila das cirurgias eletivas, suspensas por causa da pandemia. Além da saúde pública, Pio X se orgulha por sua luta pela transposição das águas do Rio São Francisco. “É uma obrigação de todo governante, não existe partido”, disse o defensor da obra. Quando presidente da Associação dos Municípios do Oeste (Amorn), lutou pela implantação no projeto do Eixo do ramal Apodi/Mossoró.

“O projeto está bem encaminhado. As águas virão da Paraíba para abastecer a região com maior escassez do recurso hídrico, que é o Alto e Médio Oeste potiguar”, disse.

Como presidente da Amorn, também conseguiu incluir a adutora do Alto Oeste nos investimentos do governo estadual. “A adutora existe, embora não esteja funcionando porque os equipamentos foram danificados. Estamos lutando para destravar esses impasses”, justificou.

Pio X disse que, o interior do RN, nos últimos 10 anos, enfrentou as piores secas e comentou que, enquanto a capital do Estado está sofrendo com as chuvas, para o interior até o momento está sendo muito bom e produtivo. “Aumentou as reservas dos açudes, os mananciais estão com bastante água e o agricultor está feliz”, revelou.

A eleição de 2010 foi a primeira vez que Pio X disputou um mandato estadual na Assembleia Legislativa, tendo obtido 27 mil votos para deputado estadual, sendo o candidato mais votado na Tromba do Elefante, na época.


Para ele, a Câmara dos Deputados precisa de um representante que conheça os problemas de quem vive no interior. “Há muitos serviços que podem ser descentralizados na Saúde, criando as condições de resolutividade. Os hospitais regionais podem ser ampliados, pois há procedimentos que só são realizados no Walfredo Gurgel”, lamentou.

Agora RN 

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...