O plenário da Câmara Municipal de Mossoró aprovou, hoje (15), o Projeto de Lei 20/2022, que reconhece o Encontro de Jovens da Assembleia de Deus de Mossoró (Ejad) como patrimônio cultural imaterial de mossoró.

De autoria do vereador Paulo Igo (Solidariedade), a proposta também inclui o Ejad no calendário oficial do município. Destinado ao público evangélico, o evento é realizado anualmente, no Carnaval.

“O Ejad reúne milhares de jovens e é considerado o segundo maior evento do gênero em todo o Nordeste do país, e já é realizado há mais de duas décadas”, destaca Paulo Igo.

O evento é uma iniciativa do Departamento de Jovens da Assembleia de Deus em Mossoró (Dejadem). “Agradeço aos colegas vereadores pelos votos favoráveis ao nosso projeto”, reconhece.

Com aprovação no plenário da Câmara Municipal de Mossoró, o projeto que torna o Ejad patrimônio cultural imaterial de Mossoró segue à Prefeitura para sanção (torna-se lei) ou veto.

Informações CMM

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...