O eleitorado evangélico que sempre esteve em apoio e continência ao presidente Jair Bolsonaro (PL) desde as eleições em 2018, continua fiel diante do capitão da reserva. É o que aponta nova pesquisa PoderData publicada nesta segunda-feira (07/02). Se por um lado, os evangélicos caminham em fileiras bolsonaristas, a maior parte dos católicos consultados para o levantamento admitem que vão apoiar o ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva.

Apesar do ex-presidente Lula liderar o levantamento geral, com 41% das intenções de voto, ele tem apenas 35% da preferência se considerados apenas os entrevistados que se declaram evangélicos. Bolsonaro, que figura na segunda colocação na pesquisa geral, com 30%, tem uma parcela de apoio significativa do eleitorado evangélico com 42%. Neste cenário, Lula tem 35% da intenção de voto.

Se perde para Bolsonaro entre os evangélicos, Lula tem a preferência das fileiras católicas e aparece liderando com 42% bem distante do presidente Bolsonaro, que vê o apoio católico despencar e aparecer com 24% da preferência deste eleitorado. O restante dos candidatos vê a polarização distante.

O ex-ministro e ex-juiz Sérgio Moro (PODE) tem 7% do eleitorado geral empatado com o ex-governador do Ceara, Ciro Gomes (PDT), na terceira e quarta posição, respectivamente. Entre os católico, Moro tem 10% da intenção de voto e 5%, no eleitorado evangélico. Ciro já tem menor preferência nas fileiras católicas com 7% e um pouco maior com grupos evangélicos, 6%.

A pesquisa PoderData foi realizada de 31 de janeiro a 1º de fevereiro de 2022. Foram entrevistadas 3.000 pessoas com 16 anos de idade ou mais em 238 municípios nas 27 unidades da Federação. O levantamento está registrada no TSE sob o número BR-09445/2022.

Fonte: Diário de Goiás com informações de PoderData

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...