quarta-feira, 31 de outubro de 2018

Bolsonaro recebe oração e palavra profética em culto com Malafaia: “Vai marcar a história”



O voto evangélico foi decisivo para a vitória de Jair Bolsonaro e o primeiro evento público que ele, o presidente eleito que derrotou o PT, na noite desta terça-feira (30/10), foi de um culto na sede da igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo, do pastor Silas Malafaia, na Penha – zona norte do Rio de Janeiro. Ao lado de Silas Malafaia, Bolsonaro discursou por pouco mais de 10 minutos. Recebido com muito carinho pelos fiéis, e diante de um templo lotado, o presidente eleito agradeceu a Deus pela vitória nas urnas, disse não ser o mais preparado para a “missão”, mas afirmou que Deus capacita os escolhidos.
“Primeiro eu quero agradecer a Deus por estar vivo, pelas mãos de profissionais da saúde, de Juiz de Fora (MG). Em São Paulo, Deus operou milagre. Depois quero agradecer a Deus por essa missão, porque o Brasil está em uma situação um tanto quanto complicada. Crise ética, moral e econômica”, disse Bolsonaro.

Amizade

Malafaia celebrou o casamento de Bolsonaro com Michelle de Paula em 2013 e a partir daí o relacionamento entre eles foi sempre amigável e agora nas eleições Malafaia foi o principal apoiador de Bolsonaro dentro do segmento cristão.

Imprensa livre

Após o discurso de Bolsonaro, Malafaia disse que os dois já conversaram “muitas vezes” sobre a importância do estado laico e da imprensa livre.


“E também dizer a toda a imprensa que nós não estamos votando em candidato a Deus. Não estamos votando em alguém que vai fazer graça para evangélicos. Isso seria muito mesquinho. Nós estamos votando em alguém para mudar a história da nossa nação. Queria deixar isso bem claro e reafirmar que o estado é laico. E tem que ser mesmo. Agora, o estado é laico, mas não é laicista, não é contra religião”, disse Malafaia.

“Eu bati, rapaz, bati com muita força naqueles que caluniaram e difamaram pela grande mídia. E Bolsonaro falou comigo que sem imprensa livre não existe democracia. Nós sabemos disso, o resto é falácia”, concluiu.

Mudar a história

O pastor afirmou ainda que o presidente eleito vai mudar a história do Nordeste, transformando a região em um centro agrícola de referência para o mundo, assim como Israel. Segundo disse, no governo Bolsonaro, o nordestino vai esquecer das “esmolas” paliativas das gestões passadas.


“Israel é pior do que o semiárido do Nordeste. Quero deixar uma palavra aqui para esse povo nordestino, abençoado. Tem nordestino em tudo que é lado desse Brasil fazendo a história nessa nação. E porque eles saíram do Nordeste? Porque esses corruptos, cínicos, deram esmola para eles pensando que podem manipular a vida toda”, afirmou.

“Bolsonaro sabe que é possível resgatar o Nordeste, porque Israel tem uma das maiores produções agrícolas e podem fazer com que o Nordeste seja um centro agrícola do mundo. E ele não vai dar paliativo não. Ele vai mudar a história do Nordeste. Nordestino vai esquecer do cara aí que dizia ser filho da terra”, conclui.

Palavra profética

Ao final, o pastor Silas Malafaia orou pelo novo presidente e declarou, junto com o fiéis, uma palavra profética sobre ele:

“Eu declaro em nome de Jesus, que Deus vai te dar sabedoria, graça e saúde, pra fazer a diferença nessa nação. Você vai marcar a história deste país. Vamos ter um novo paradigma nesta nação. Deus vai mudar a sorte desse povo!”, oraram todos.

Assista:
JM Noticia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...