sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

O arrepiante pedido do sobrevivente Alan Ruschel, o lateral esquerdo da Chapecoense!



Na clínica San Juan de Díos, em Medellín, os médicos se preparavam para operar o jogador de futebol Alan Ruschel quando ele fez um pedido: que os médicos guardassem sua aliança de noivado. Ruschel não queria correr o risco de perdê-la. O casamento com a noiva Marina ainda não tinha data, mas já tinha um padrinho escolhido: o técnico do Internacional, Lisca, que apresentou apresentou Alan a Marina quando estavam no Juventude, segundo depoimento do treinador ao Globoesporte.com.

A mais de 7.000 quilômetros de distância, a família de Alan acompanhava as notícias sobre a tragédia. “Graças a Deus o Alan está no hospital, estado estável. Estamos orando por todos que ainda não foram socorridos, e força para todos os familiares. Situação complicada, difícil. Só Deus para dar força mesmo”, disse Amanda, uma das irmãs do jogador, em uma rede social.

Alan Ruschel foi resgatado com vida dos destroços do avião da companhia boliviana Lamia que caiu na madrugada desta terça-feira (29) em Medellín, na Colômbia. Segundo dissera os voluntários que retiraram o jogador dos destroços ao site colombiano El Tiempo, ele balbuciava: “Minha família, meus amigos, onde estão?”

O acidente causou mais de 70 mortes. Estavam no voo 22 jogadores e 23 membros da comissão técnica e da diretoria da Chapecoense, clube de futebol de Santa Catarina que disputaria o primeiro jogo da final da Copa Sul-Americana nesta quarta-feira (30). Ruschel foi uma das seis pessoas resgatadas com vida. Ele sofreu várias fraturas nos braços, nas pernas e no quadril.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...