sexta-feira, 9 de agosto de 2019

Pastor lança treinamento cristão contra a perseguição religiosa



A perseguição religiosa aos cristãos é uma realidade em vários países. O Mianmar, país de maioria budista localizado no Sudeste Asiático, é um deles. Para lidar com isso, no entanto, um pastor tem oferecido treinamento baseado nas doutrinas bíblicas para capacitar os seguidores de Jesus Cristo diante das dificuldades.

O pastor identificado apenas pelo nome “Tun” por razões de segurança, foi um aluno do curso “Permanecendo Firme Através da Tempestade”, desenvolvido pela organização missionária Portas Abertas, que auxilia os cristãos perseguidos ao redor do mundo.

Desde então o pastor tem multiplicado o seu aprendizado ao repassá-lo para os novos cristãos, visto que os seguidores de Cristo sofrem discriminação em Mianmar, por não aceitarem o budismo como uma imposição cultural do país, desde o primeiro dia de vida.

“As pessoas olham para nós, cristãos, como estrangeiros. Não cristãos, assim como os budistas, nos veem como menores que eles”, disse o pastor Tun, destacando que apesar da forte intolerância, não abre mão de continuar atuando como pastor, visto que é um ofício para a vida eterna.

“A melhor coisa é ver almas sendo salvas e vidas sendo transformadas e dedicadas a Cristo. Isso me dá uma alegria que eu não posso expressar”, completou o ministro, lembrando de como mudou a sua vida ao deixar de ser um cristão meramente religioso, para se tornar um praticante do Evangelho.

“Em novembro de 2008, eu participei do Permanecendo Firme Através da Tempestade pela primeira vez. E o que aprendi sobre Jesus realmente tocou meu coração e mudou minha forma de pensar. Antes do treinamento, eu era um cristão nominal. Ali, eu aprendi mais sobre a vida de Jesus e tornei meu relacionamento com o Senhor mais próximo”, disse Tun.

Por fim, apesar de enfrentar a perseguição religiosa dos budistas de Mianmar, o pastor Tun ressalta que os cristãos agem de forma diferente, desejando o bem de todos eles e não o mal.

“Nós oramos e abençoamos o governo, os templos budistas e os monges. Intercedemos para que o mal que cega os olhos dos monges de verem a verdade vá embora. Também oramos para que os birmaneses possam ver a luz e conheçam a verdade”, conclui o pastor, segundo a Portas Abertas.

Notícias Gospel

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...