quinta-feira, 30 de maio de 2019

Igreja inaugura congregação em presídio e detentos começam a se converter



Grandes igrejas dos EUA estão se empenhando em alcançar presidiários e internos de casas de reabilitação para Cristo. O exemplo mais recente vem do estado de Indiana, onde uma igreja está chegando às pessoas que estão encarceradas ou lutando contra o vício, abrindo pequenas congregações administradas por voluntários em presídios e casas de reabilitação.

O jornal 'Daily Journal' relata que a igreja Emmanuel, que tem várias sedes em toda a área de Indianápolis, abriu novas congregações dentro da Cadeia Municipal de Johnson, do Centro de Correios Comunitários da Comarca de Johnson e da Theodora House, um centro de recuperação de mulheres.


Os membros da Emmanuel decidiram no ano passado que queriam concentrar seus esforços em alcançar os presos e arrecadaram US$ 28.000 para ajudar no plano.

"A Emmanuel existe para ver as pessoas virem a Cristo e crescerem com Cristo", disse Rachel Long, pastor executivo de várias localidades e famílias, ao jornal.

Os membros da igreja vão aos três locais aos domingos e quartas-feiras. Eles levam café da manhã para os internos e transmitem os cultos da igreja ao vivo. Eles também têm um momento de estudo da Bíblia, incluindo uma reflexão sobre mensagem daquele dia.

Todo o equipamento para transmissão ao vivo é comprado e instalado pela igreja.

A Bíblia chama os cristãos para ministrarem às pessoas e levar a mensagem para além dos muros de uma igreja é o que as igrejas deveriam estar fazendo, disse a voluntária da igreja Rhonda Upchurch.

"Isso é o que a igreja é chamada a fazer", disse ela ao jornal.

Até agora, pelo menos 15 pessoas se converteram nos três novos campi desde janeiro, de acordo com o 'Christian Post'. E vários outros se reconciliaram com Jesus Cristo.

Propósito

Rachel Long, a pastora executiva de algumas dessas congregações e ex-terapeuta de desenvolvimento disse ao 'Christian Post' que as igrejas precisam ter a coragem de chegar aos detentos, realmente entrando nos presídios.

"A maneira que vemos é que eles não podem vir a Cristo dentro desses lugares escuros, sem que alguém tenha coragem de entrar lá", disse Long.

"Pessoalmente, tomar a decisão de entrar lá e assumir esse trabalho foi muito difícil para mim. Mas o que você aprende é que estes são seres que refletem Deus e que eles foram criados à Sua imagem da mesma maneira que nós somos. E você começa a ter uma conexão com eles, de uma forma que permite que você ministre a eles".

Long disse que o objetivo não é apenas compartilhar as Boas Novas com as pessoas desses centros, mas também fornecer a eles uma mensagem da igreja, mostrando que eles serão bem-vindos nessas comunidades quando forem libertados.

Como a 'CBN News relatou' anteriormente, várias igrejas estão tentando a abordagem de abrir congregações dentro das prisões estaduais.

O Pastor da Igreja Gateway, Robert Morris, anunciou que o campus mais novo de sua igreja está localizado dentro da maior prisão do estado, a 'Lone Star'.

A congregação da Gateway na Prisão do Coffield foi inaugurada ao final de novembro do ano passado, com mais de 300 participantes.

"Na Gateway, somos todos pessoas, e Deus se importa totalmente com as pessoas", disse Morris, o principal pastor da Gateway, à Fox News. "Muitos dos homens e mulheres dentro das prisões foram esquecidos pela sociedade, mas queremos que eles saibam que os amamos e que Deus os ama, e eles são nossos irmãos e irmãs em Cristo".

Guia-me

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...