quarta-feira, 27 de março de 2019

Robert V. Finley, renomado missionário americano, morre aos 96 anos



Robert Van Eaton Finley, um evangelista que fundou a proeminente organização de missões estrangeiras Christian Aid Mission, faleceu aos 96 anos.


A Christian Aid Mission, de Charlottesville, Virgínia, divulgou um comunicado na sexta-feira confirmando a morte de seu fundador.

“Finley é lembrado com carinho pelos missionários em todo o mundo por sua vida e obra, seus livros, artigos e seus ensinamentos. Ele acreditava que é responsabilidade suprema dos discípulos de nosso Senhor Jesus Cristo plantar e construir Sua igreja entre todas as nações ”, declarou a organização ao site Christian Post.

Resham Raj Poudel, o líder de um ministério indígena no Nepal, foi citado no comunicado ao observar que uma das coisas que ele gostava no trabalho de Finley era “que ele confia em nós”.

“A Christian Aid Mission é o primeiro ministério que conheço a apoiar ministérios independentes do evangelho com orações e finanças para ajudá-los a realizar seu trabalho”, afirmou Poudel.

“Isso nos possibilitou crescer na visão que o Senhor nos deu. O resultado é que muitas igrejas estão sendo plantadas em todo o mundo ”.


Nascido em Albemarle County, Virgínia, Finley tornou-se um evangelista da Youth for Christ e da InterVarsity Christian Fellowship logo após se formar na Universidade da Virgínia em 1944.

Durante o final da década de 1940 e início da década de 1950, Finley pregou em várias escolas e igrejas nos Estados Unidos e no exterior, e dividiu palcos com o reverendo Billy Graham.

Em 1953, Finley fundou a International Students, Inc., de onde veio a divisão Assisting Indigenous Developments, posteriormente renomeada como Christian Aid Mission. Finley também fundou a Missão de Estudantes Ultramarinos.

O trabalho missionário de Finley enfocou as populações indígenas no exterior, a partir das experiências do evangelista pregando na Ásia.


“O exemplo do apóstolo Paulo se destacou para mim”, afirmou Finley em comentários postados no site da Christian Aid Mission.

“Ele deixou a sua terra natal, Cilícia, e foi estudante estrangeiro aos pés de Gamaliel em Jerusalém. Enquanto lá Deus o chamou para retornar à Ásia como um apóstolo para o seu próprio povo. Ao ler mais sobre os missionários na Bíblia, percebi que eles eram quase todos nativos das pessoas que alcançaram. ”


Finley deixa sua esposa, Cynthia Finley, duas filhas, Deborah Finley Arcieri e Ruth Finley Cassidy, três netos, um bisneto e duas irmãs.


JM Notícia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...