quarta-feira, 31 de outubro de 2018

Feliciano ironiza “preocupação” de Miriam Leitão com oração do presidente eleito Jair Bolsonaro



A preocupação da jornalista Miriam Leitão com a oração feita momentos antes do primeiro pronunciamento do presidente eleito foi tema de um aparte de Marco Feliciano (PODE-SP) na Câmara dos Deputados. O pastor questionou o motivo da preocupação com a oração e a falta de manifestações contra as mazelas sociais do país.

“Uma pequena ponderação sobre o que eu vi na TV no dia que Jair Bolsonaro foi eleito. A Globo News estava transmitindo, fazendo a apuração, e de repente a jornalista Miriam Leitão olhou para o seu monitor e viu o senador Magno Malta orando pela vitória dada a Jair Bolsonaro. A jornalista Miriam Leitão espantada disse ‘isso me preocupa muito’“, recapitulou Feliciano.



Em seguida, o pastor ironizou a fala da jornalista: “Se uma oração deixa uma jornalista tão bem preparada preocupada, eu fico imaginando aqui que ela deve conhecer um pouco a Bíblia, porque ‘a oração de um justo pode muito em seus efeitos'”, afirmou o pastor, citando a passagem bíblica de Tiago 5:16.

“A jornalista deveria se preocupar com o índice de assassinatos em nosso país. São 63 mil pessoas assassinadas por ano; são 13 milhões de desempregados; mas o que preocupou a jornalista não foi o Brasil ter um ex-presidente da República preso; não foi o caso do petrolão, o caso do mensalão, o caso de Pasadena; o que preocupou a jornalista foi a oração feita, porque ela diz que o Estado é laico. Graças a Deus que o Estado é laico. Qualquer pessoa pode exercitar a sua fé ou não ter fé em nada”, acrescentou o pastor Marco Feliciano.

Ao final, elogiou a iniciativa do presidente eleito: “Jair Bolsonaro dá um exemplo: primeiro presidente da República que após […] saber da sua vitória ergue em oração a voz, pedindo ao Deus dos céus que traga paz sobre a nossa nação. Parabéns Jair Bolsonaro, parabéns senador Magno Malta! Só lembrando que uma vez, uma rainha da Inglaterra, falou sobre John Wesley, o grande evangelista: ‘Tenho mais medo da oração de John Wesley do que o exército da França fortemente armado’. Foi a oração que tirou Israel do Egito, senhor presidente; foi a oração ensinada pelo próprio Jesus que trouxe paz ao nosso povo, e que o Brasil viva dias melhores”.
Assine o Canal


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...