domingo, 14 de outubro de 2018

Após ouvir “a voz de Deus”, piloto decola minutos antes de terremoto atingir o país



Para 140 passageiros de uma companhia aérea que atua na Indonésia, país devastado por um terremoto de 7,5 pontos na escala Richter em 28 de setembro passado, o piloto Ricosetta Mafella foi um verdadeiro instrumento nas mãos de Deus para salvar suas vidas, porque ele disse ter ouvido a “voz de Deus” minutos antes do desastre, fazendo com que decolasse com o avião antes do previsto.

“O dia todo na sexta-feira eu estava me sentindo inquieto e não sabia por quê”, disse o funcionário da companhia Batik Airways para a BBC, dois dias após o terremoto. Ele estava na igreja Duta Injil, em Jakarta, e falou sobre o que sentiu minutos antes do desastre.

Mafella explicou que a inquietação lhe fez louvar a Deus na cabine do avião. “Normalmente eu só cantarolo, mas naquele dia eu quis louvar ao Senhor o melhor que pude”, disse ele, que após decolar foi para a cidade de Palu. Porém, antes mesmo de pousar, ele disse ter que “ouviu uma voz em seu coração”.


Já em solo, ele disse que falou aos passageiros que faria uma pausa de apenas 20 minutos na escala. “Eu nem saí da cabine e pedi permissão à torre de controle para partir três minutos antes do previsto”, contou Mafella, que logo em seguida obteve a autorização do controlador Anthonius Gunawan Agung, de apenas 21 anos.

A sensação de que algo estava prestes a acontecer, no entanto, fez com que Mafella partisse imediatamente, movendo o avião na pista de decolagem. “Eu não sei por que, mas minha mão continuou empurrando a alavanca, fazendo com que o avião acelerasse”, contou o piloto.

Ele e seus 140 passageiros levantaram voo às 18:02. Menos de um minuto depois o terremoto atingiu Palu. Se o avião ainda estivesse na pista não teria conseguido decolar. “Se eu tivesse decolado três minutos depois, não teria conseguido salvar os 140 passageiros, porque o asfalto na pista de pouso estava subindo e descendo como uma cortina ao vento”, explica Mafella.


O controlador Anthonius Gunawan Agung, infelizmente, acabou morrendo. “Eu tentei ligar para o controlador de tráfego aéreo algumas vezes para dizer que vi algo, mas não houve resposta”, disse o piloto. “Neste momento difícil, durante os segundos de decisão, ele esperou por mim até que eu estivesse a salvo antes de ele pular. É por isso que eu o chamo de meu anjo da guarda”.


Mafella ressalta o quanto a sensibilidade a voz do Senhor é crucial em nossas vidas. “É importante ouvirmos a voz de Deus. E, aconteça o que acontecer, devemos estar calmos, não em pânico, para que possamos ouvir claramente a voz de Deus vinda a nós pelo Espírito Santo”, conclui o piloto, segundo o God TV.

Noticias Gospel

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...