sexta-feira, 22 de junho de 2018

Governo Trump envia verba e ajuda extra a cristãos perseguidos no Iraque



A situação de calamidade que os cristãos e outras minorias enfrentam no Iraque não está passando despercebida da administração Donald Trump na Casa Branca. Conforme prometido em campanha, o presidente dos Estados Unidos está mobilizando um reforço no efetivo militar no país que foi assolado pela ação do Estado Islâmico.

A região norte do Iraque ainda enfrenta as consequências da destruição promovida pelos extremistas muçulmanos, e após a insistência do vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, a Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID, na sigla em inglês) colocou em ação um plano de envio de nova verba para comunidades cristãs e yázidis.



“No norte do Iraque — que abrigou grandes comunidades de cristãos e outras minorias, muitas das quais abandonaram suas casas ou fugiram do país — a USAID está comprometida em criar condições para que essas comunidades possam retornar com segurança às suas terras ancestrais”, afirmou Mark Green, executivo da agência.

Agora, o próximo passo do executivo é viajar ao Iraque para se reunir com as lideranças locais e estabelecer um plano de ação que permita maior eficiência na assistência e distribuição de ajuda aos que atravessam extrema necessidade. “Já canalizamos dezenas de milhões para a região, mas sabemos que a necessidade é muito maior e que precisamos fazer mais para atender às necessidades urgentes dessas populações ameaçadas — e nós faremos isso”, enfatizou.

Ao longo de 2017, o Departamento de Estado reforçou o apoio às ações da USAID e redirecionou US$ 113,5 milhões para as ações no Iraque. Segundo informações da emissora Christian Broadcasting Network (CBN), os valores foram destinados especificamente às comunidades perseguidas na região de Nínive.


“Os Estados Unidos têm um legado orgulhoso de se posicionar a favor de minorias étnicas e religiosas vulneráveis. Proteger o direito das pessoas de escolher suas próprias crenças e culturas está no centro dos valores de nossa nação desde sua fundação. De fato, este é um valor que continuarei promovendo todos os dias ao redor do mundo como chefe da USAID”, concluiu Mark Green.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...