sábado, 17 de março de 2018

Malafaia critica hipocrisia no caso Marielle Franco e defende intervenção militar



O pastor Silas Malafaia, voz que representa o pensamento de milhões de evangélicos no país, comentou o cada do assassinato brutal da vereadora pelo Rio de Janeiro Marielle Franco, do PSOL, foi morta a tiros por volta das 21h30 desta quarta-feira (14), na região central da cidade, pouco depois de sair de um evento para mulheres ativistas negras, e também de se motorista, Anderson Gomes. Para o pastor há um interesse de grupos hipócritas que querem fazer da morte da vereadora uma bandeira política para desestabilizar a intervenção federal no Rio de Janeiro.

“A quem interessa desestabilizar as forças de segurança?” questiona o pastor em um vídeo publicado em seu canal no Youtube.

“Milhares são assassinados e ninguém fala nada, artistas não falam nada, autoridade não fala nada, essa é que é a verdade. Lamentamos profundamente e não aceitamos porque qualquer um de nós está sujeito a isso”, criticou Malafaia.


O propósito do pastor Silas é mostrar que o preço para se combater o crime organizado e a violência que assola não só o Rio de Janeiro é o enfrentamento por meio dos órgãos de segurança pública. Mas os grupos que são contrários a isso aproveitam de casos como este para desestabilizar essa temática.

“Como vai ter um enfrentamento de camaradas com armas de guerra minha gente? e vem essa conversa fiada de PSOL de tirar arma de polícia? se a coisa tá feia, isso vira um caos pior do que qualquer guerra” alertou Silas.

O pastor deixou claro que é a favor da intervenção federal e que é necessário apoiar as forças de segurança neste momento: “nós apoiamos sim a intervenção militar!”.

Assista o vídeo:



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...