sexta-feira, 28 de julho de 2017

Governo Federal dará R$ 13 milhões para “festa da carne” no Rio



O presidente Michel Temer garantiu o montante de R$ 13 milhões para as escolas de samba do Rio para o desfile do ano que vem. A informação foi confirmada pelo deputado Pedro Paulo (PMDB) nesta terça-feira. A Prefeitura do Rio reduziu em 50% o repasse das escolas para o desfile de 2018. Segundo o deputado, o presidente da Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro (Liesa), Jorge Luiz Castanheira, fez uma apresentação e mostrou a necessidade de R$ 13 milhões, apesar de que ao todo foram cortados pela prefeitura R$6,5 milhões.


“Pedimos intervenção do governo no Carnaval. O presidente garantiu esses recursos, disse que carnaval não terá falta de recursos”, afirmou. Paulo disse ainda que os R$ 13 milhões serão conseguidos via “patrocínio ou via apoio direto do orçamento do governo federal”.

O deputado disse que Temer determinou que o novo ministro da Cultura, Sergio Sá Leitão, e o ministro do Turismo, Marx Beltrão, façam “a engenharia necessária” para garantir a promessa feita aos sambistas. “O presidente falou que podemos voltar e anunciar o carnaval e disse ‘o governo federal vai garantir o carnaval do rio com os mesmos recursos dos outros anos'”, afirmou o deputado carioca.


Em coletiva de imprensa, após tomar posse, o novo ministro da Cultura, disse que ainda vai analisar “com cuidado a situação para ver de que maneira vai poder ajudar as escolas de samba” e ponderou que “nesse momento é precipitado antecipar qualquer coisa”. “Vamos fazer o possível para que o carnaval 2018 aconteça com ainda mais força e seja dinamizador da economia”, afirmou.

O deputado disse que na reunião não se tratou a situação política do presidente Michel Temer, que além da baixa popularidade enfrente o processo de denúncia por corrupção passiva na Câmara, e afirmou que foi falado apenas da “esperança” de que o presidente possa continuar “conduzindo as reformas”.

Riotur comemora decisão

A medida anunciada por Temer foi comemorada pelos representantes da Riotur. Segundo o presidente do órgão, Marcelo Alves, a decisão foi “espetacular”. “Conseguimos R$ 12 milhões com o governo estadual e R$ 13 milhões com o federal, que voltou a investir no Carnaval carioca depois de três anos. Todos ganham com o Carnaval da cidade. A mobilização do estado e do governo federal favorece o nosso projeto como um todo. Queremos que os nossos principais eventos cresçam”, destacou.

Com informações do Estadão Conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...